ARTISTA

Daniel Escobar

Daniel Escobar
  • Há uma noção de arte que supõe que a obra representa o mundo real. Paisagens fazem parte desse entendimento de arte mimética. Desde o início do século vinte, artistas como Kurt Schwitters e Stuart Davis passaram a se interessar por uma outra forma de paisagem, aquela que abrange os restos da paisagem urbana, no caso do alemão (bilhetes de trem, recortes de jornal), ou a incipiente comunicação visual, no caso do americano (cartazes, nomes de lojas). É bem conhecida a preponderância da paisagem dos signos a partir dos anos 1960, principalmente na arte pop, que abrange tanto a paisagem dos rótulos das prateleiras do supermercado em Warhol quanto a mimetização do suporte publicitário nas pinturas de Rosenquist, reminiscentes de outdoors.

    Daniel Escobar interessa-se por essa noção de paisagem urbana, constituída por arquitetura e signos da cultura do consumo. Suas obras discutem -- não necessariamente subvertem -- o poder de coerção da imagem publicitária. Seria estranho que o artista preconizasse um antagonismo explícito à imagem sedutora das propagandas já que, utilizando-as, devolve-as à paisagem das cidades, seja nas obras propriamente ditas seja nos catálogos e outras reproduções de seus objetos, que passam a circular junto dos jornais, revistas, rótulos. Escobar reconhece-se como produto de um sistema que convence consumidores a mirar a figura do outdoor como ideal dos quais somos reles cópias empobrecidas -- quem não se sente instância mal-ajambrada da ideia de mulher ao ver aquelas modelos de calcinha e sutiã do mundo inteligível do Photoshop? O artista está discutindo o indivíduo que é decorrência desse platonismo capitalista, o homem do século 21 cuja força motora é desejo de consumo e cujo objetivo é galgar degraus rumo ao inatingível ideal da imagem.

    “Ninguém pode ter tudo”, escrevem os palpites marcados em cartões de loteria, esse sonho de atalho ao perfeito mundo do outdoor. Lá fora, para além da porta da casa, os grandes cartazes anunciam o que posso atingir. Escobar então empilha fragmentos dessas promessas de um além-mundo onde tudo é perfeito, perfura-os e apresenta-os todos ao mesmo tempo, com os buracos minúsculos revelando as camadas inferiores. Na paisagem da cidade, o ícone de uma estação é logo raspado para dar lugar à próxima imagem ideal. O chapéu do verão é logo substituído pela jaqueta do inverno, e assim vivencia-se a passagem de tempo. Ou não? Ou é na artesania, no perfurar milhares de buracos nos fragmentos de outdoors, nos furos dos cartões de loteria, que podemos definir o tempo miúdo e subjetivo? Às vezes um, às vezes outro. Não há hipocrisia: o homem é produto de seu produto. E a cidade é vitrine. Na dúvida, consulte um livro do tipo guia de viagens e saiba das atrações must-see que você está perdendo.

    Paula Braga, 2013. 

  • Daniel Escobar
    Santo Ângelo, Brasil [Brazil], 1982
    Vive e trabalha em [Lives and works in] Porto Alegre, Brasil [Brazil]

    Formação [Education]
    2005
    .Bacharelado Artes Visuais [Bacharelor Degree Fine Arts]. Instituto de Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Brasil [Brazil]

    Exposições Individuais [Solo Exhibitions]

    2015
    .A História Mais Curta, Celma Albuquerque Galeria de Arte, Belo Horizonte, Brasil [Brazil]

    2014
    .A Nova Promessa. Curadoria Daniela Labra. Zipper Galeria, São Paulo, Brasil [Brazil]
    .Seu lugar é aqui, seu momento é agora. Curadoria Daniela Labra. Santander Cultural, Porto Alegre, Brasil [Brazil]
    .A Nova Promessa. Curadoria Daniela Labra. Zipper Galeria, São Paulo, Brasil [Brazil]
    .Seu lugar é aqui, seu momento é agora. Curadoria Daniela Labra. Santander Cultural, Porto Alegre, Brasil [Brazil] 

    2013
    .Paredes Falsas. Programa de Exposições CCSP - Centro Cultural São Paulo, São Paulo, Brasil [Brazil]
    .Você Está Aqui. Estúdio Galeria Mamute, Porto Alegre, Brasil [Brazil]

    2012
    .Fictitious Topographies. RH Gallery, Nova Iorque [New York], EUA [USA]
    .Campos Migratórios. FUNARTE – Fundação Nacional das Artes, Belo Horizonte, Brasil [Brazil]

    2010
    .Plano Diretor. Galeria Mendes Wood, São Paulo, Brasil [Brazil]

    2009
    .Verdades Laterais. Rhys Mendes Gallery, Belo Horizonte, Brasil [Brazil]

    2005
    .Perto Demais. VI Concurso de Artes Plásticas Contemporâneas Goethe-Institut, Porto Alegre, Brasil [Brazil]

    Exposições Coletivas [Group Exhibitions]

    2017
    Hecha la ley, hecha la trampa: or smuggling as an alternative. Hangar, Barcelona, Espanha [Spain]

    2016
    . A cidade, as ruínas e depois, Torre Malakoff, Recife, Brasil [Brazil]

    2014
    .Por Venir. Casa de Velázquez – Académie de France à Madrid. Madrid, Espanha.
    .Let it out. Curadoria Mabe Bethônico. Celma Albuquerque Galeria de Arte. Belo Horizonte, Brasil.
    .Cidade Gráfica. Curadoria Celso Longo, Daniel Trench e Elaine Ramos. Itaú Cultural. São Paulo, Brasil.
    .VIII Prêmio Açorianos de Artes Plásticas. Paço Municipal. Porto Alegre, Brasil.  
    .Decifrações. Brasília, DF, Brasil [Brazil] .O Cânone Pobre. Museu de Arte do Rio Grande do Sul (MARGS). Porto Alegre, Brasil  
    .O Cânone Pobre. Museu de Arte do Rio Grande do Sul (MARGS). Porto Alegre, Brasil 

    2013
    .13º Salão Nacional de Artes de Itajaí. Itajaí, Brasil [Brazil]
    .A Geodésia Museológica. Museu de Arte Contemporânea do Paraná, Curitiba, Brasil [Brazil]
    .X Bienal de Arquitetura de São Paulo. Centro Cultural São Paulo, Brasil [Brazil]
    .Beyond the Library. Frankfurt Buchmesse – Hall 4.1, Frankfurt, Alemanha [Germany]
    .18º VideoBrasil Festival Internacional de Arte Contemporânea, SESC Pompeia, São Paulo, Brasil [Brazil]
    .Bem-vindos. Zipper Galeria. São Paulo, Brasil [Brazil]
    .Entre: Curadoria A-Z. Museu de Arte Contemporânea do RS, Porto Alegre, Brasil [Brazil]
    .Únicos e Múltiplos: O livro de Artista no RS. Paço Municipal, Porto Alegre, Brasil. [Brazil]
    .Beyond the Library. Itochu Aoyama Art Square, Tóquio [Tokyo], Japão [Japan]
    .Cromomuseu. Museu de Arte do Rio Grande do Sul – MARGS, Porto Alegre, Brasil [Brazil]

    2012
    .The Third Meaning II. RH Gallery, Nova Iorque [New York], EUA [USA]
    .Além da Biblioteca. SP-Arte, São Paulo, Brasil [Brazil]
    .O Triunfo do Contemporâneo. Santander Cultural, Porto Alegre, Brasil [Brazil]
    .Re-projetando (Belo Horizonte). Museu de Arte da Pampulha, Belo Horizonte, Brasil [Brazil]

    2011
    .Além da Biblioteca. Museu Lasar Segall, São Paulo, Brasil [Brazil]
    .XIV Leilão Pratos para Arte. Museu Lasar Segall, São Paulo, Brasil [Brazil]
    .Labirintos da Iconografia. Museu de Arte do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, Brasil [Brazil]
    .Lugares/Representações. FUNARTE – Fundação Nacional das Artes, São Paulo, Brasil [Brazil]
    .Página Inicial. SESC Ribeirão Preto, Brasil [Brazil]

    2010
    .The Third Meaning. RH Gallery, Nova Iorque [New York], EUA [USA]
    .SP-Arte, São Paulo, Brasil [Brazil]
    .arteBA, Buenos Aires, Argentina

    2009
    .De Passagem. Rhys Mendes Gallery, São Paulo, Brasil [Brazil]
    .A Rua como Lugar de Convívio. FUNARTE – Fundação Nacional das Artes, Belo Horizonte, Brasil [Brazil]
    .Livrobjeto. Editora C/Arte, Belo Horizonte, Brasil [Brazil]

    2008
    .Preparatória. Museu de Arte da Pampulha, Belo Horizonte, Brasil [Brazil]
    .Arte Pará 2008: Trânsitos e Irradiações. MHEP - Museu Histórico do Estado do Pará, Belém, Brasil [Brazil]

    2007
    .62º Salão Paranaense. Museu de Arte Contemporânea de Curitiba, Brasil [Brazil]
    .Associações Livres/ Ler é Acreditar. MAC-RS – Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, Brasil [Brazil]
    .I Prêmio Açorianos de Artes Plásticas. Paço Municipal, Porto Alegre, Brasil [Brazil]
    .6º Salão Nacional de Arte Jataí. Museu de Arte contemporânea de Jataí, Brasil [Brazil]

    2006
    .Fiat Mostra Brasil. Porão das Artes/Fundação Bienal, São Paulo, Brasil [Brazil]
    .Paisagem Provisória. Galeria Iberê Camargo/Usina do Gasômetro, Porto Alegre, Brasil [Brazil]
    .17º Salão da Câmara Municipal de Porto Alegre, Brasil [Brazil]
    .19º Salão Jovem Artista. MARGS - Museu de Arte do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, Brasil [Brazil]

    Prêmios e Residências [Awards and Residencies]

    2016
    . Prêmio Açorianos de Artes Plásticas, Destaque em Instalação. Porto Alegre, Brasil [Brazil] 

    2014
    .Prêmio Aquisição [Acquisition Award]. CCSP Centro Cultural São Paulo, Brasil [Brazil]

    2011
    .Prêmio FUNARTE de Arte Contemporânea, Belo Horizonte, Brasil [Brazil]
    .Atelier de Gravura [Engraving Workshop]. Fundação Iberê Camargo, Porto Alegre, Brasil [Brazil]

    2010
    .Prêmio FUNARTE de Arte Contemporânea [FUNARTE Contemporary Art Award], São Paulo, Brasil [Brazil]

    2008
    .Bolsa Pampulha [Artistic Residence]. Museu de Arte da Pampulha, Belo Horizonte, Brasil [Brazil]

    2007
    .Prêmio Aquisição [Acquisition Award]. 6º Salão Nacional de Arte de Jataí, MAC - Museu de Arte Contemporânea de Jataí, Brasil [Brazil]

    2006
    .Mostra Brasil. Fiat/Fundação Bienal, São Paulo, Brasil [Brazil]
    .Artista Revelação [New Artist]. 1º Prêmio Açorianos de Artes Plásticas, Secretaria de Cultura da Prefeitura de Porto  Alegre, Brasil [Brazil]
    .Prêmio Incentivo à criatividade [Award Encouraging creativity]. 17º Salão da Câmara Municipal de Porto Alegre, Brasil [Brazil]

    Coleções Públicas e Privadas [Public and Private Collections]
    .Crowell and Moring Law Firm, Nova Iorque [New York], EUA [USA]
    .Devry Smith Frank LLP, Toronto, Canadá [Canada]
    .Fundação Iberê Camargo, Porto Alegre, Brasil [Brazil]
    .Museu de Arte Moderna de São Paulo, Brasil [Brazil]
    .Museu de Arte da Pampulha, Belo Horizonte, Brasil [Brazil]
    .Museu de Arte do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, Brasil [Brazil]
    .Museu de Arte Contemporânea do Paraná, Curitiba, Brasil [Brazil]
    .Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, Brasil, [Brazil]
    .Museu de Arte Contemporânea de Jataí, Brasil, [Brazil]
    .Coleção Heitor Martins, São Paulo, Brasil [Brazil]
    .Coleção de Arte da Cidade de São Paulo, Brasil [Brazil] 

  • exposições

SCROLL